LEIA ANTES DE ACESSAR O CONTEÚDO

Este blog tem como objetivo, ser um complemento para alunos do ensino médio, no que refere as Ciência Humanas.


28/02/2013

CORRETES DO PENSAMENTO GEOGRÁFICO - Escolas geográficas

FALA GALERA!! TUDO BEM!!??
Hoje vamos falar...
Didaticamente vamos dividir as correntes em dois blocos distintos, a saber: a Geografia Tradicional e a Geografia Crítica.
 
Geografia Tradicional: esse ramo da geografia trabalhava com a idéia de que o ambiente natural determinava as características da sociedade. Essa vertente trabalhava com a descrição da natureza, relacionando muito pouco o papel ativo do homem no meio.
Nesse grupo temos então as as seguintes escolas geográficas:
- O Determinismo Ambiental alemão:
- O Possibilismo francês:
- A Pragmática  ou Teórica-Quantitativa
- O Método Regional.
Geografia Crítica: também, conhecida como geografia marxista, busca explicar a atuação do homem no meio geográfico, pelo aspecto das transformações sociais. O objetivo é integrar a relação entre trabalho, sociedade e natureza, buscando diferenciar os espaços construídos segundo os interesses da sociedade vigente. Esse ramo da geografia possui um caráter mais analítico e politizador. 


Agora galera!! Como é que esse assunto pode ser cobrado no ENEM?????
 ELABORAMOS UMA QUESTÃO ESTILO ENEM


ENEM 2009 - C2/ H9 Considere o trecho do artigo abaixo.



"Nascendo na Alemanha, a Geografia moderna teve seus primeiros grandes mestre nesse país; a escola alemã de Geografia notou-se por seu caráter determinista, cuja principal nome é Frederic Ratzel. Em oposição ao determinismo alemão surgiu, na França,o possibilismo, corrente que teve Em Vidal de la Blache seu maior expoente,consolidando a escola francesa de Geografia. Foram essas duas escola que exerceram a maior influência no estabelecimento da Geografia brasileira, durante as primeiras décadas do século XX: o pensamento alemão, presente sobretudo nos órgãos do Governo, e o francês principalmente nas recém-criadas faculdades, cujos professores vieram da França.

O método regional foi uma corrente que esteve em voga em fins do século XIX e princípio do século XX, especialmente na França e na Inglaterra,devido e ao grande império colonial pertencentes a esses dois países. Após a década de 50, novos paradigmas urgiram na Geografia, afetando também a produção geográfica brasileira; primeiro, a chamada Nova Geografia ou Geografia Quantitativa, ligada à Estatística e à matemática; esta foi, posteriormente, cedendo espaço para a Geografia Crítica, a partir do final dos anos 70, que utilizava a teoria marxista como base ideológica. Esta é, atualmente, a corrente mais difundida no Brasil, sobretudo através da Obra de Milton Santos."

O artigo trata a gênese da Geografia Moderna e suas correntes epistemológica. Como base no artigo, é correto afirmar que:

a) a Geografia é uma ciência estática, sua produção acadêmica pode ser resumida nas postulações de Ratzel e Vidal de La Blache.
b) a Geografia Moderna teve seus principais grandes mestres nesse país; a escola alemã de Geografia notou-se por seu caráter determinista, cujo principal autor é Vidal de La Blache.
c) em oposição ao possibilismo alemão: surgiu, na França, o determinismo, corrente que teve Vidal de La Blache.
d) a origem de diferentes paradigmas das correntes geográficas, tais como a deterministas, possibilista, regional, quantitativa, está relacionada a diversas formas de poder político e econômico dos Estados.
e) após a década de 50, novos paradigmas surgiram na Geografia, afetando também a produção geográfica brasileira; primeiro, a chamada Nova Geografia ou Geografia Quantitativa, que  utilizava a teoria marxista como base ideológica.

GEOGRAFALANDO COMENTA:

Competência de área 2 – Compreender as transformações dos espaços geográficos como produto das relações socioeconômicas e culturais de poder.
H9 - Comparar o significado histórico-geográfico das organizações políticas e socioeconômicas em escala local, regional ou mundial

a) INCORRETA  
a Geografia é uma ciência DINÂMICA, sua produção acadêmica NÃO pode ser resumida nas postulações de Ratzel e Vidal de La Blache.Visto que outras contribuições como por exemplo: Método Regional (Estudos das diferenciações das áreas) metódologia desenvolvidas por Richard Hartshorne; a Geografia Teórico-Quantitativa ou Nova Geografia, caracterizada pelo uso de métodos matemático-estatísticos e por fim a GEOGRAFIA CRITICA  que ver o espaço geográfico nessa escola geográfica é visto como a própria sociedade (espacializada), fruto da reprodução do modo capitalista de produção.Nessa perspectiva o espaço é movido pelas contradições presentes e por um processo dialético.

b) INCORRETA 
a Geografia Moderna teve seus principais grandes mestres nesse país; a escola alemã de Geografia notou-se por seu caráter determinista, cujo principal autor é Frederic Ratzel e não Vidal de La Blache.

c)INCORRETA 
em oposição ao possibilismo alemão: surgiu, na França, o possibilismo e não o determinismo, corrente que teve Vidal de La Blache.

d) CORRETA 
a origem de diferentes paradigmas das correntes geográficas, tais como a deterministas, possibilista, regional, quantitativa, está relacionada a diversas formas de poder político e econômico dos Estados.

e) INCORRETA
 após a década de 50, novos paradigmas surgiram na Geografia, afetando também a produção geográfica brasileira; primeiro, a chamada Nova Geografia ou Geografia Quantitativa, que  utilizava a geografia Pragmática é um instrumento da dominação burguesa. Um aparato do Estado capitalista. Suas características têm bases técnicas e planejamentos, uso da razão para orientar o desenvolvimento capitalista, tornando o conhecimento geográfico abstrato; assim os modelos matemáticos servem para analisar o espaço, agir sobre a natureza e fortalecer os investimentos do Estado em regiões homogêneas e funcionais, através de meios estatísticos teoria marxista como base ideológica.

EXERCÍCIOS DE FIXAÇÃO



1ª Questão: Assinale a alternativa que corresponde à Escola de Pensamento Geográfico e seu divulgador que estiver corretos respectivamente escola e divulgador.



A
Determinismo
Vidal de La Blache
B
Possibilismo
Hartshone
C
Método Regional
Frederich Ratzel 
D
Nova Geografia
Milton Santos
E
Geografia Crítica
Yves Lacostes



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...