LEIA ANTES DE ACESSAR O CONTEÚDO

Este blog tinha como objetivo, apenas de ser um complemento para alunos do ensino médio, no que refere as Ciência Humanas AGORA também estaremos postando aulas com assuntos das Ciências Natureza (Biologia, Química e Física).


19/05/2013

ESTUDO DIRIGIDO - EXERCÍCIO DE AULA (FIXAÇÃO) REGIONALIZAÇÃO (BRASIL)




1ª Questão (UNEAL) O Brasil está dividido em três regiões geoeconômicas que refletem as diferentes formas de ocupação humana ao longo do tempo histórico: Nordeste, Centro-Sul e Amazônica. Analise os aspectos que caracterizam essas regiões:

I. O Nordeste é a principal área de refluxo (saída) de pessoas nas migrações internas do país.
II. A região Centro-Sul é a mais industrializada, povoada e urbanizada do país.
III. A Amazônia é a região menos povoada do Brasil e sofre grandes impactos ambientais.
IV. A região nordestina apresenta muitas marcas da colonização e, por praticamente três séculos, foi a região mais rica do Brasil.

Está correto o contido em

a) I e II, apenas.
b) I, II e III, apenas.
c) I, II e IV, apenas.
d) I, III e IV, apenas.
e) I, II, III e IV.
GEOGRAFALANDO COMENTA: E
O nordeste foi a primeira região a ser colonizada e hoje é um área de saída de pessoas por conta das condições de vida pouco favoráveis. Já o sudeste é a região mais urbanizada e industrializada.
A região norte permanece a com maior incidência de vazios demográficos.



2ª Questão (UECE) As regiões brasileiras são agrupamentos das unidades da federação com o propósito de ajudar as interpretações estatísticas, implantar sistemas de gestão de funções públicas de interesse comum ou orientar a aplicação de políticas públicas dos governos federal e estadual. Há também outra forma de regionalização não-oficial, criada por especialistas em geografia, na qual o Brasil é dividido em três complexos geoeconômicos. Assinale, nas opções abaixo, aquela que apresenta, de forma correta, os três complexos geoeconômicos.


a) Amazônia, Centro-Sul e Pantanal
b) Centro-Sul, Nordeste e Pantanal
c) Amazônia, Nordeste e Centro-Sul
d) Nordeste, Sudeste e Centro-Sul
GEOGRAFALANDO COMENTA: C

A divisão proposta por Pedro Pinchas Geiger foi chamada de Divisão geoeconômica e consiste em três regiões, a saber: AmazôniaCentro-Sul e Nordeste.

3ª Questão  (UEPB)
Numere a coluna 2 de acordo com a 1.

Coluna 1
(1) Região Norte
(2) Região Nordeste
(3) Região Centro-Oeste
(4) Região Sudeste
(5) Região Sul

Coluna 2
( ) Reúne um dos mais baixos Índices de Desenvolvimento Humano - IDH - do país, com problemas graves como altas taxas de mortalidade infantil, desnutrição e analfabetismo.
( ) É responsável por mais da metade do Produto Interno Bruto - PIB - do país. A descoberta de uma grande reserva petrolífera no campo de Tupi, na Bacia de Santos, abre uma importante fronteira para exploração de petróleo e gás natural no país.
( ) Enfrenta o desafio de aliar o crescimento econômico com a preservação ambiental. Seu setor agropecuário tem destaque no cenário brasileiro e possui grande parte do rebanho bovino no país.
( ) Nos últimos anos, seu crescimento tem ocorrido à custa de atividades responsáveis por grandes impactos ambientais como pecuária extensiva, avanço da agricultura com destaque para a lavoura de soja, e da extração de madeira.
( ) Apresenta os melhores indicadores de mortalidade infantil, educação e saúde. Sua industrialização tem destaque nos setores automobilístico, metalúrgico e têxtil. O setor de serviços também é bem desenvolvido.
A alternativa que apresenta a sequência correta é:

a) 3 2 1 4 5
b) 3 1 5 4 2
c) 2 1 3 4 5
d) 5 4 3 2 1
e) 2 4 3 1 5

GEOGRAFALANDO COMENTA: E

Para responder essa questão você precisa saber sobre as condições políticas econômicas e sociais das regiões brasileiras.
 

4ª Questão  (UEG) Uma divisão regional é fruto de teorias e métodos utilizados para a regionalização. Ela apresenta uma espécie de fotografia do estágio da organização do espaço geográfico nacional feita a partir das lentes dessas teorias e desses métodos. Com base nesse fragmento e nos mapas a seguir, apresente as diferenças entre as regionalizações estabelecidas para o Brasil por Milton Santos (1999), IBGE (1988) e Pinchas Geiger (1964), identificando os critérios (naturais, econômicos e/ou sociais) utilizados pelos autores.

GEOGRAFALANDO COMENTA:
A Divisão Regional proposta por Pedro Pinchas Geiger considera aspectos naturais e socioeconômicos, podendo ser caracterizada como a mais dinâmica. Nela temos a Amazônia, o Nordeste e o Centro Sul, caracterizada como a principal concentração econômica, financeira, social, cultural, populacional, infraestrtural brasileira. A Divisão Regional do IBGE coloca o país em 5 regiões geoeconômicas com características peculiares. O sistema considera os estados existentes, seus limites correspondem às divisas estaduais. É formada pelas regiões Norte, Nordeste, Centro-Oeste, Sudeste e Sul. A Divisão Regional proposta por Milton Santos destaca uma região concentrada caracterizada pela concentração de ciência, tecnologia e informação, determinantes no processo de ocupação do espaço, sendo formada pela Amazônia, Nordeste, Centro-Oeste e Concentrada.

5ª Questão  (ESPM) Em recente estudo denominado “As regiões brasileiras pós-Tocantins: ensaio para um novo arranjo”, um estudo do CEBRAP defende a criação da região Noroeste, a partir de uma redivisão da atual região Norte. O novo mapa regional do Brasil ficaria assim:


(Adaptado de Cebrap, 2007)

Em relação à nova proposta e à atual divisão regional, é correto afirmar:

a) Observa-se na nova proposta que o estado do Tocantins deixaria de integrar o atual Centro-Oeste.
b) Os critérios para o novo nódulo regional baseiam-se, prioritariamente, em aspectos econômicos, uma vez que os estados da nova região, compõem um vetor regional comum.
c) A nova região seria uma fusão de atuais estados da região Norte com estados do Centro-Oeste.
d) A atual região Norte já contempla uma unidade econômica e política, compondo um espaço regional único e padronizado, tanto no âmbito econômico, como fisiográfico.
e) Aspectos físicos seriam preponderantes na nova divisão, separando a região norte entre estados que possuem a formação amazônica, como o Amazonas, daqueles que não a possuem, como o Maranhão.
GEOGRAFALANDO COMENTA: B
A região noroeste apresenta fatores comuns no ponto de vista econômico.

6ª Questão  (Ufpi) Observe o mapa de divisão regional do Brasil e, em seguida, assinale a proposição correta:



a) O número 5 assinala a região Sul, onde se concentram numerosos descendentes de europeus, que utilizaram a terra mantendo a cobertura vegetal original, adotando um sistema de agricultura extensiva e de autoconsumo.
b) O número 1 corresponde à região de maior área, onde as condições naturais permitiram o estabelecimento de uma floresta temperada homogênea e que vem apresentando crescente extensão de áreas devastadas, porque ainda não utiliza modelos de desenvolvimento sustentável.
c) O número 2 indica a região que teve menor importância econômico-social no período colonial e que, após o período áureo da mineração, voltou às condições de pobreza dos primeiros séculos de colonização.
d) O número 4 identifica a região que apresenta maior índice de industrialização, com destaque para as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, que polarizam as demais regiões brasileiras.
e) O número 3 assinala a região Centro-Oeste, que passou a crescer após a construção de Brasília, mesmo apresentando condições naturais adversas, advindas da presença do bioma caatinga.

GEOGRAFALANDO COMENTA: D
A região sudeste apresenta a maior concentração industrial do pais com destaque para são Paulo e rio de janeiro.
.

7ª Questão  (CFTSC) Sobre a economia atual das regiões brasileiras, assinale a alternativa CORRETA.

a) O Nordeste do Brasil concentra a maior produção industrial brasileira, com destaque para os setores de açúcar e álcool e de pesca e maricultura.
b) Na região Sul, destacam-se apenas as atividades agrícolas e extrativistas, como a produção de papel e celulose.
c) A região Norte não possui nenhum polo industrial, concentrando apenas atividades extrativistas de características de subsistência.
d) Não se pode afirmar que existam diferenças entre as regiões brasileiras no que concerne às suas atividades econômicas.
e) Na região Centro-Oeste, existe um grande polo econômico associado a atividades agroindustriais, como a produção de carne ligada a grandes frigoríficos, e a produção de grãos, como a soja.
GEOGRAFALANDO COMENTA: E
Para responder essa questão e importante saber sobre as características econômicas das regiões brasileiras

8ª Questão  (CFTSC) Essa é a região brasileira que possui o segundo maior contingente populacional do Brasil. Ainda que venha crescendo economicamente nas últimas décadas, boa parte de sua população enfrenta graves problemas sociais. Em algumas áreas dessa região, encontramos o clima tropical semiárido.

O texto refere-se a qual região brasileira?
a) Nordeste.
b) Centro-Oeste.
c) Norte.
d) Sul.
e) Sudeste.
GEOGRAFALANDO COMENTA: A
Por conta de ser a primeira região brasileira a ser colonizada o nordeste ainda apresenta um índice populacional alto perdendo somente pra o sudeste.

9ª Questão  (CFTSC) Sobre o território brasileiro, assinale a alternativa CORRETA:

a) Possui um território federal: Fernando de Noronha.
b) No Sudeste, destacam-se, principalmente, as regiões metropolitanas de São Paulo (SP) e do Rio de Janeiro (RJ).
c) Apresenta vantagem econômica em relação ao transporte marítimo, porque dispõe, no continente americano, do maior litoral voltado para o Oceano Pacífico.
d) As cidades de Recife (PE) e do Rio de Janeiro (RJ) foram capitais federais antes de Brasília (DF).
e) Após a criação do estado de Tocantins, em 1988, este foi anexado à Região Centro-Oeste.




GEOGRAFALANDO COMENTA: B
A região sudeste apresenta a maior concentração industrial do pais com destaque para são Paulo e rio de janeiro.


10ª Questão  (Ufg) Observe a figura a seguir:



O critério adotado, na divisão regional descrita no mapa, tem por referência
a) a base física territorial, onde se destacam as bacias hidrográficas.
b) os aspectos demográficos, considerando-se a distribuição da população brasileira.
c) o setor secundário, mediante o número de estabelecimentos industriais.
d) as características socioeconômicas, relativas à população e às atividades produtivas.
e) os elementos de ordem natural, relacionados aos tipos climáticos.


GEOGRAFALANDO COMENTA: D
A divisão proposta por Pedro Pinchas Geiger foi chamada de Divisão geoeconômica e consiste em três regiões, a saber: AmazôniaCentro-Sul e Nordeste.

11ª Questão  O Complexo regional do Nordeste concentra cerca de 30% da população do país, constituindo a região problema em virtude das grandes desigualdades sociais e econômicas.
Sobre o problema da fome e da desnutrição no nordeste, é correto afirmar que
a) trata-se de um problema social e político ancorado na desigual distribuição da renda.
b) constitue um problema exclusivo do sertão nordestino.
c) tem como meio mais eficaz de solução a política assistencialista do Estado.
d) atinge o Nordeste em verdadeiros surtos, de forma esporádica, justamente nos períodos de seca prolongada.

GEOGRAFALANDO COMENTA: A
Um do principais problemas do nordeste é a questão da desigualdade social.

12ª Questão  "O geógrafo Pedro Pinchas Geiger propôs, em 1.967, a divisão regional do Brasil em três regiões geoeconômicas ou complexos regionais (...) Essa divisão regional tem por base as características geoeconômicas e a formação histórico-econômica do Brasil (...)"
(ADAS, Melhem. "Geografia: o Brasil e suas regiões geoeconômicas." São Paulo, Moderna, 1.996)
Aos complexos regionais da Amazônia, do Nordeste e do Centro-Sul, propostos por Geiger, podem-se atribuir, respectivamente, as seguintes características:
a) povoado no período colonial - industrializado - baixa densidade demográfica.
b) agricultura tecnificada - atração de mão-de-obra - predomínio de população rural.
c) pequenas propriedades rurais - industrialização tradicional - economia extrativa.
d) expansão da fronteira agrícola - colonizado através da economia açucareira - o mais industrializado e urbanizado.

GEOGRAFALANDO COMENTA: D
Os complexos regionais da Amazônia, do Nordeste e do Centro-Sul,  apresentam respectivamente expansão da fronteira agrícola, colonização através da economia açucareira e grande industrialização e urbanização.

13ª Questão  O Centro-Sul constitui o núcleo econômico do país. Concentrando mais de 60% da população brasileira é também a região mais urbanizada do país. No entanto, apresenta graves problemas sociais e ambientais.

Sobre os problemas ambientais dos centros urbanos do Centro-Sul brasileiro, NÃO se pode afirmar que
a) as indústrias liberam poluentes na atmosfera que, além de comprometerem a saúde humana, provocam alterações ambientais com a formação de um microclima específico.
b) o lixo e os esgotos constituem-se em grandes problemas ambientais, uma vez que o lixo, na sua maior parte, é jogado em terrenos baldios, e os esgotos, normalmente, despejados em rios que cortam a cidade.
c) as poluições sonora e visual possuem baixa intensidade nos grandes centros urbanos da região.
d) a carência de áreas verdes agrava a poluição do ar, além de tornar mais restritas as opções de lazer nas grandes cidades da região.
GEOGRAFALANDO COMENTA: C
A poluição sonora e visual é marcante nos centros urbanos.

14ª Questão  UNICAMP) Os mapas A e B representam parte do território nacional, com delimitação de área segundo dois importantes elementos para estudo do espaço brasileiro.



Os Mapas A e B representam respectivamente:
a) Bioma Amazônico e Amazônia Legal
b) Centro-Sul e Caatinga
c) Amazônia Legal e Região Norte
d) Região norte e Mata dos Cocais
GEOGRAFALANDO COMENTA: A
Amazônia Legal é uma área que engloba nove estados brasileiros pertencentes à Bacia amazônica e a área de ocorrência das vegetações amazônicas. 
O Bioma Amazônico compreende apenas porções naturais no mapa sem respeitar limites territoriais nacionais ou internacionais.


15ª Questão  As características abaixo são da região brasileira denominada:

Uma das características físicas:
• floresta pluvial latifoliada
• clima equatorial, quente e chuvoso o ano todo.
• hidrografia caracterizada por grande número de rios com abundante volume d’água
• bioma marcado pela extrema diversidade de espécies
• topografia de predominância suave, marcada principalmente por planícies e baixos platôs
Uma das características socioeconômicas:
• densidades demográficas reduzidas na maior parte da região
• expressiva participação das atividades primárias na composição do PIB e de absorção da PEA
• forte participação dos grupos indígenas na composição étnica da população
• marcante influência dos grupos indígenas brasileiros sobre a cultura regional
a) Concentrada
b) Centro-Oeste
c) Amazônia
d) Sul
e) Nordeste
GEOGRAFALANDO COMENTA: C
Para responder essa questão você precisa conhecer as características físicas e econômicas das regiões bem como as propostas de divisão regional.
 
1ª QUESTÃO: A atual divisão regional brasileira foi realizada em 1970 pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Conforme essa regionalização, cite os complexos regionais do Brasil e seus respectivos estados.
______________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________________


 
2ª QUESTÃO: (CFTMG) “O geógrafo Pedro Pinchas Geiger propôs, em 1967, a divisão regional do Brasil em três regiões geoeconômica ou complexo regionais (...). Essa divisão regional tem por base as características geoeconômicas e a formação histórico-econômica do Brasil (...)”
(ADAS, Melhem. Geografia: o Brasil e suas regiões geoeconômicas. São Paulo, Moderna, 1996).
Aos complexos regionais da Amazônia, do Nordeste e do Centro-Sul, proposto por Geiger, podem-se atribuir, respectivamente, as seguintes características:

a)povoado no período colonial– industrializado– baixa densidadedemográfica.
b)Agricultura tecnificada– atração de mão-de-obra– predomínio de população rural.
c)Pequenas propriedades rurais – industrialização tradicional – economiaextrativa.
d)Expansão da fronteira agrícola– colonizado através da economiaaçucareira – o mais industrializado e urbanizado

3ª QUESTÃO: (UFMG 05) Em 1964, o geógrafo brasileiro Pedro Geiger criou um mapa comuma nova forma de divisão regional do Brasil, conforme representado.

Sobre essa divisão regional, é correto afirmar que:

a) a Amazônia prolonga-se a leste, dominando o oeste do Maranhão e ao sul,englobando grande parte do Mato Grosso.
b) o Complexo Regional do Nordeste exclui a parte oeste do Piauí e abrange o norte de Minas Gerais e do Espírito Santo.
c) o Centro-Sul, região econômica mais desenvolvida do País, compreende parte do Centro-Oeste, todo o Sudeste e Sul.
d) os limites dos complexos regionais se superpõem às linhas divisórias das fronteiras estaduais

4ª QUESTÃO:  (Cftmg 2006) A divisão em regiões econômicas é uma proposta de estudo do espaço brasileiro em três grandes unidades territoriais. Referindo-se aos complexos regionais brasileiros, pode-se afirmar que:

I- o Nordeste representa uma área de repulsão populacional desde o fim do século XIX, gerando migrantes para as demais regiões.
II- a Amazônia, em função de sua grande superfície e baixa ocupação demográfica, não apresenta áreas de conflitos fundiários.
III- a Zona da Mata nordestina constitui uma área de transição entre o Norte e o Centro-Oeste, cuja economia se baseia no extrativismo vegetal e na agricultura.
IV- o Centro-Sul apresenta as maiores diversidades na organização do espaço geográfico, desde áreas industrializadas e urbanizadas até as de agropecuária tradicional.São corretos apenas os itens
a) I e II.
b) I e III.
c) I e IV.
d) II e III.
e) III e IV.

5ª QUESTÃO: (UEM) Criado pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 1990, oÍndice de Desenvolvimento Humano (IDH) é uma forma de medir o desenvolvimento social de cada país ou estado. A propósito do IDH, é correto dizer que, na sua aplicação, são considerados os seguintes elementos:
A) transporte, comércio, indústria.
B) energia elétrica, mão-de-obra, custo de vida.
C) agricultura, natureza, mercado de trabalho.
D) educação, saúde, renda do trabalhador.

6ª QUESTÃO:  (Ufpi) Observe o mapa de divisão regional do Brasil e, em seguida, assinale a proposição correta:

a) O número 5 assinala a região Sul, onde se concentram numerosos descendentes de europeus, que utilizaram a terra mantendo a cobertura vegetal original, adotando um sistema de agricultura extensiva e de autoconsumo.
b) O número 1 corresponde à região de maior área, onde as condições naturais permitiram o estabelecimento de uma floresta temperada homogênea e que vem apresentando crescente extensão de áreas devastadas, porque ainda não utiliza modelos de desenvolvimento sustentável.
c) O número 2 indica a região que teve menor importância econômico-social no período colonial e que, após o período áureo da mineração, voltou às condições de pobreza dos primeiros séculos de colonização.
d) O número 4 identifica a região que apresenta maior índice de industrialização, com destaque para as cidades de São Paulo e Rio de Janeiro, que polarizam as demais regiões brasileiras.
e) O número 3 assinala a região Centro-Oeste, que passou a crescer após a construção de Brasília, mesmo apresentando condições naturais adversas, advindas da presença do bioma caatinga.

7ª QUESTÃO: (Unisc) A realidade espacial brasileira é dinâmica e tem passado por intensas transformações, tornando difícil sua divisão. Considerando a proposta de divisão regional do Brasil em três grandes complexos regionais - Centro-Sul, Nordeste e Amazônia -,marque nos parênteses F se a afirmativa for falsa ou V se a afirmativa for verdadeira:
 

( ) desconsidera os limites estaduais na sua base territorial, refletindo em uma melhor homogeneidade
de cada complexo.
( ) baseia-se em elementos geoeconômicos, considerando-os os mais adequados para o atual dinamismo espacial.
( ) favorece a identificação dos espaços regionais, considerando suas diversidades, no processo histórico de sua organização.
( ) desconsidera a base física, tendo em vista que a ação humana degrada o ambiente natural.

A seqüência correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é
a) V - V - V - F
b) V - F - V - F
c) F - V - F - V
d) V - V - F- V
e) V - V - V – V

8ª QUESTÃO: (Ufg) Observe a figura a seguir:
O critério adotado, na divisão regional descrita no mapa, tem por referência
 

a) a base física territorial, onde se destacam as bacias hidrográficas.
b) os aspectos demográficos, considerando-se a distribuição da população brasileira.
c) o setor secundário, mediante o número de estabelecimentos industriais.
d) as características socioeconômicas, relativas à população e às atividades produtivas.
e) os elementos de ordem natural, relacionados aos tipos climáticos.

9ª QUESTÃO:  (Ufpel) O sistema de organização político-administrativa do Brasil, desde o descobrimento até a atualidade, apresentou variações, evidenciadas, por exemplo, nas capitanias hereditárias, no governo geral, na monarquia, no império e na república. Um dos problemas verificados na divisão do território tem sido a multiplicação de estados, motivada pela necessidade de acomodar interesses políticos das oligarquias que continuam desequilibrando o sistema representativo, favorecendo os estados do Norte e do Nordeste, tradicionais redutos políticos de elites agrárias.

Com base nas informações anteriores e em seus conhecimentos sobre o assunto, é correto afirmar que

a) os limites da região geoeconômica Amazônia praticamente coincidem com os da Região Norte do IBGE. Trata-se de uma região de grande população absoluta - apesar da baixa densidade demográfica – que apresenta um crescimento na industrialização, sobretudo no setor de mineração.
b) a região geoeconômica Nordeste é caracterizada por uma homogeneidade natural marcada pela seca. É uma região que concentra um grande contingente populacional e que se constitui em uma “região-problema”, em face das graves dificuldades sociais e econômicas que apresenta.
c) a região geoeconômica Centro-Sul abrange as duas porções mais industrializadas do país (Sudeste e Sul) e as áreas de economia mais dinâmica da região Centro-Oeste (de acordo com o IBGE): sul de Tocantins, norte de Goiás e parte de Minas Gerais.
d) parte do norte do estado de Minas Gerais – porção semi-árida, de economia pouco dinâmica – integra o complexo regional do Nordeste. O restante desse estado integra o complexo regional Centro-Sul, que também é composto por parte de Tocantins (Região Norte) e parte de Mato Grosso, (Região Centro-Oeste).
e) a área afetada por secas periódicas, no Meio Norte da região geoeconômica Nordeste, constitui o “Polígono das Secas”. Nessa área, funciona a chamada indústria da seca, como ficou conhecida a prática de políticos e fazendeiros para obter lucros e vantagens pessoais com esse flagelo.

10ª QUESTÃO:  (Facasper) No final da década de 1990, foi proposta uma nova regionalização para o país, conforme se pode observar abaixo.

(Santos, Milton & Silveira, Maria Laura. O Brasil: Território e sociedade no início do século XXI. Rio de Janeiro: Record, 2001. p.308)

Essa divisão regional foi realizada a partir de critérios

a) morfoestruturais e climáticos, sendo que 1 corresponde à região de grandes rios e terras baixas florestadas que ainda permanecem com grandes espaços praticamente intocados.
b) de planejamento estratégico, sendo que 2 corresponde à região com maior número de estudos e políticas de intervenção, a exemplo do recente projeto de transposição das águas do rio São Francisco.
c) de concentração de meios técnico-científicos e de difusão de informações, sendo que 3 corresponde à região que concentra maior número de atividades associadas ao processo de globalização.
d) relacionados à biodiversidade, sendo que 1 e 4 são regiões que se destacam pela grande variedade de animais e formações vegetais, a exemplo da floresta Amazônica, do Cerrado e do Pantanal.
e) político-administrativos, sendo que 2 e 3 são regiões que englobam mais da metade dos eleitores do país e, portanto, usufruem de maior representatividade popular no Congresso Nacional.

GABARITO

1-De acordo com a divisão regional brasileira estabelecida pelo Instituto de Geografia e Estatística (IBGE), o país possui cinco Regiões: Sul, Sudeste, Centro-Oeste, Norte e Nordeste. Os estados estão distribuídos da seguinte forma:
Sul– Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul. Sudeste –Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo e Rio de Janeiro.Centro-Oeste – Goiás, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e Distrito Federal. Norte – Roraima, Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia e Tocantins. Nordeste – Maranhão, Piauí, Ceará, Rio Grande do Norte, Paraíba, Pernambuco, Alagoas, Sergipe e Bahia.
2-D
3-C
4-A
5-D
6-D
7-A
8-D
9-D

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...